SPED eSocial

Mais um componente do SPED, o projeto do eSocial obriga o empregador a fornecer mensalmente informações trabalhistas, previdenciárias e fiscais relativas aos seus empregados e fornecedores de serviços autônomos.

Para saber mais sobre o eSocial, visite os sites oficiais do SPED:

As empresas com faturamento acima de R$ 76 milhões em 2014 devem se preparar para enviar mensalmente, a partir de setembro de 2016, arquivos do e-Social com dados do cadastro de seus colaboradores.

As demais empresas iniciam na obrigatoriedade a partir de janeiro de 2017.

Se sua base cadastral não estiver com os dados corretos e atualizados conforme constam nos órgãos oficiais haverá problemas para cumprir as obrigações fiscais acessórias, implicando em multas e autuações.

Para evitar problemas no cumprimento de mais esta obrigatoriedade, as empresas precisam fazer uma consulta para saneamento cadastral, considerando:

Nos casos de divergências nos dados informados, a Consulta On Line de Qualificação Cadastral apresenta orientações para que se proceda a correção:

O que pode parecer simples inicialmente, na verdade esbarra na dificuldade se obter e manter dados atualizados de pessoas físicas, a partir de processos internos nem sempre muito consistentes, e dependentes de operacional humano, resultando em erros no cadastro.

Para solucionar o problema propomos um processo de Saneamento Cadastral com algumas opções, dependendo do estágio em que se encontra sua empresa.

Click aqui e saiba mais sobre as opções disponíveis para seu processo de Saneamento Cadastral da Folha, visando adequação aos requisitos do SPED EFD-Social.